Destaques Notícias da Diocese

Sinos da Matriz em Matozinhos voltam a tocar automaticamente

Após 20 anos, o sistema automatizado que faz tocar os sinos da Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus , voltou a funcionar no último dia 10 deste mês, semana em que foram realizados os festejos do padroeiro.  Nos últimos 20 anos, os sinos só funcionavam manualmente.

De acordo com o pároco, padre André Queiroz, SDN, às 6h, 9h, 12h, 15h, 18h e 21h o sino irá tocar , em caráter experimental.

Você sabe porque os sinos das igrejas tocam?

Há pessoas que não sabem o real significado dos sinos. Mas, mesmo assim, os usam como uma espécie de relógio, uma agenda pessoal.

Os sinos comunicam acontecimentos importantes aos membros de Comunidades. A raiz da palavra sino provém do latim “signu” (sinal). Sinaliza e convoca para o culto, para a adoração e para a gratidão por causa da graça de Deus. O som do sino penetra profundamente nos ouvidos. Atinge a alma das pessoas. Por isso, não conseguimos ficar indiferentes ao repicar sonoro do sino.

No decorrer da história, o sino servia como “mensageiro” da guerra, da paz, de boas e más notícias. Em algumas aldeias assinalavam as horas no tempo em que não havia relógios. Hoje, os sinos continuam a badalar pelas comunidades, mas em algumas regiões a tecnologia deixou de lado os braços humanos: eles são acionados por mecanismos eletrônicos.

O sino nasceu católico; sua invenção foi reservada à Igreja. Os católicos dizem que os sinos indicam a presença de Deus nesse local, daí a tradição de que quando se entoa um sino, Deus observa e ouve a prece com mais atenção.

Portanto, a função do sino é justamente a oportunidade de conectar-nos, de ser um instrumento de reflexão, de meditação. E que esse instrumento, ao repicar seu som, se espalhe forte e penetre por todos os ares a alegria que devemos ter durante toda a nossa vida, porque temos um Salvador que diariamente nos ajuda.

Da Redação

Fonte: pordentrodetudo e Aleteia

Voz do Pastor

Dom Francisco Cota

Dom Francisco Cota

Em 10 de junho de 2020 foi nomeado pelo Papa Francisco, o sexto bispo da Diocese de Sete Lagoas (MG).

Agenda Diocesana

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹abr 2021› » 
Share This